Postado em 25/08/2020

Nutricionista Fernando Castro

Você já ouviu falar em AEJ (Atividade aeróbia em jejum)? A prática está cada vez mais popular - e polêmica! Afinal de contas, correr em jejum ajuda mesmo a emagrecer?⁣⁣
A ideia é que, como no jejum os níveis de glicose e glicogênio, o organismo tende a utilizar a gordura como fonte de energia. De fato, alguns estudos comprovam que a AEJ favorece uma maior quebra de reservas de gorduras. Outros, no entanto, afirma que a perda de gordura oxidada durante a AEJ (em intensidade leve) é inexpressiva para a redução da gordura corporal como um todo. ⁣⁣
Na prática o que se percebe é que algumas pessoas se adaptam e gostam dessa prática, outras não. Mas o mais importante é que a atividade seja feita com acompanhamento de um profissional! O ideal é ser orientado por um nutricionista esportivo em conjunto com o treinador, que vão considerar o nível de condicionamento do atleta, o tipo de treinamento e o objetivo a ser alcançado.⁣
Pessoalmente acho uma boa prática, mas é preciso cuidado para saber adaptar o exercício e a dieta, principalmente o volume e a intensidade do exercício.

Entrar em contato
Mensagem enviada. Entraremos em contato com você em breve.